• Image 01
  • Image 02
  • Image 03
  • Image 04
  • Image 05
  • Image 06

EMPRESÁRIO DE JACOBINA VIRA ANJO DA ESCOLA EM GONÇALO NO MUNICÍPIO DE CAÉM.

Na manhã da última sexta-feira, 24, aconteceu no Centro Educacional Nossa Senhora da Conceição, em Gonçalo – Caém, o lançamento do projeto Anjos da Escola, que nasceu de uma união público-privada, através do Instituto Tecnológico Piemonte da Chapada (ITPC) , ITEI – Instituto Tecnológico de Empreendedorismo e Inovação e da plataforma Brasil Aprender com a Prefeitura Municipal da cidade. O Instituto é uma iniciativa privada, liderada por empresários locais em parceria com o poder público e sociedade civil, e conta com o suporte e apoio do instituto de pesquisa WWI-Worldwatch Institute-Brasil, visando erguer uma espécie de “antena virtual”, com o objetivo de conectar Jacobina e toda sua região à rede internacional do conhecimento, no Brasil e no mundo, com investidores de outros países, bem como, promover eventos, fomentar o desenvolvimento da cidade com base em tecnologia e inovação.

O evento contou com presença do prefeito Gilberto Matos e primeira dama Suze Deane, do vice-prefeito Osíris Ferreira, dos vereadores Pablo Piauhy e Jonilton Silva, da Secretária de Educação Lucineia Carvalho, da Diretora do Colégio Adriana Melo e dos empresários Mateus Carvalho, Levi Bahia e Dalmy Alves.

Durante o evento, diversas falas enfatizaram a importância do projeto para o município. Um das falas foi a do publicitário Mateus Carvalho, na qual destacou as potencialidades de Caém e a sua agricultura citando ainda sobre o caráter disruptivo dos avanços tecnológicos, que cria uma economia globalizada e digitalizada, em que cidades do interior deixam de ser vistas como interior (inferior), e passam a ser pensadas como um “ponto do planeta”.

Para o Vereador Pablo Piauhy, sua participação deixou diversas provocações e reflexões a todos os presentes: em relação às potencialidades ambientais e culturais do município, em relação à forma que a população está sendo preparada para conectar Caém com o mundo, e em relação à maneira em que a economia local está sendo alavancada, se é de maneira tecnológica tecnológica e sustentável.

Para a Secretária de Educação, Lucineia Carvalho, o Projeto Anjos da escola tem um papel importante para nossa comunidade principalmente por trazer, na essência de sua proposta, uma grande contribuição político-educacional: o uso das tecnologias como ferramenta pedagógica nas escolas. Os professores passam a usar uma ferramenta interativa para planejar e dar suas aulas, possibilitando aos alunos um contato maior com recursos tecnológicos, atraindo ainda mais esses alunos. Outro ponto que nos deixa felizes é a oportunidade e a viabilidade de acesso aos alunos da zona rural de se comunicar com o mundo. Acredito que com o projeto, os alunos irão passar a se interessar e se dedicar mais, por meio dessas novas formas de aprendizagem.

 Ao final do evento, o anjo da escola, Mateus Carvalho, recebeu um presente produzido pelos alunos. Um boneco de artesanato com seu nome foi entregue como forma de agradecimento.

De acordo com Levi Bahia, premiado como empresário do ano de Jacobina, e um dos sócios do ITPC, esse instituto buscará fomentar o desenvolvimento de Caém em todas as áreas. “Através do instituto nós vamos levantar uma antena para o mundo, nos conectando com outros países, com investidores, estimulando a educação, a tecnologia e inovação, através de projetos em diversas áreas, que serão elaborados pelos próprios membros e sócios. E para isso, não tem limites,” disse Levi.